Pular para o conteúdo principal

Aleph: 30 anos!

A Editora Aleph completou em junho trinta anos de mercado, sempre editando boas séries de ficção científica.

A editora iniciou com a saudosa série Zenith, onde publicou Orson Scott Card e William Gibson ainda nos anos 1.990. Neste período também publicou uma longa série de novelas vinculadas às séries Star Trek, tanto a série clássica, quanto as séries Next Generation e Deep Space 9.

Nos últimos cinco anos tem expandido seu catálogo e licenciou os direitos das séries Fundação e Robôs (ambas de Isaac Asimov), Duna (Frank Herbert), Neuromancer (William Gibson), A Princesa de Marte (E. R. Burroughs), entre outros lançamentos oportunos como Anno Drácula.
Ainda assim, muita gente criticava a editora por publicar pouco material recente.

Aproveitando o aniversário a editora anunciou a publicação de Robert Heinlen, que se juntará à Asimov e Arthur C. Clarke e estabelecerá a trilogia “sagrada” da ficção clássica, a reedição de Herdeiros do Império, a trilogia de livros que estabeleceu o Universo de Star Wars nos livros e que a edição nacional está esgotada há mais de 15 anos.

Mas, todas as notícias tornaram-se prólogos para o anúncio de que em 2.015 a editora lançará a tradução de Old Man's War, a série sci-fi militar de John Scalzi. Atualmente o universo desta série de Scalzi já rendeu sete volumes e fico com a esperança de que a editora publique ao menos anualmente os volumes (e que tenha uma tradução melhor do que “A guerra é para os velhos”, tradução portuguesa do romance).

Parabéns e longa vida à Aleph!

post scriptum: Só falta publicar o material universo expandido de Duna, com seus prelúdios e livros para as casas escritos por Kevin J. anderson. Aí vira a melhor editora de todos os tempos!




Postagens mais visitadas deste blog

Lost – A sexta temporada: Um resumo bem pessoal de Lost, até o episódio 9 da sexta temporada.

Existe uma ilha com propriedades magnéticas e místicas. Magnéticas porque há um contador da energia que se acumula na ilha. E místicas porque ela possui um mecanismo que pode ser utilizado para alterar sua posição no tempo e espaço.
Dois seres habitam esta ilha. Um deles, Jacob, está impedindo que o outro, ainda sem nome, saia.
Jacob pode sair da ilha e pode atrair pessoas para lá.
A função de Jacob é impedir que o outro saia da ilha. O segundo deseja matar Jacob para poder sair.
Este segundo pode se tornar uma fumaça escura que agrupada pode se tornar pessoas – geralmente entes queridos mortos – ou ser usada para destruição. Durante muitos anos, nós expectadores, achávamos que era nano-tecnologia que tem conceito semelhante.
Em 1.867 um navio chega a ilha trazendo Ricardo que se tornará agente externo de Jacob. Ricardo se torna imortal graças aos poderes de Jacob.
Um núcleo de pessoas sempre habitou a ilha. Possivelmente atraídos por Jacob. Sempre.
Após enterrar uma bomba de hidrogênio…

EaD: Como estudar sozinho em casa

Árvore genealógica do Superman

Em Krypton Chronicles, uma série que contava a história dos ancestrais de Kal-El a DC publicou a árvore genealógica abaixo.

Divirta-se!