Pular para o conteúdo principal

Corporação Batman volume 1

Grant Morrison está brincando na caixa de brinquedos da DC Comics desde 2.006, usando e abusando de conceitos muito interessantes no homem-morcego. Certamente o personagem sofre um pouco com a superexposição em cinco séries mensais: Batman, Detective Comics, Batman and Robin, Batman: Streets of Gotham e Batman Inc. Mas o texto do escocês é superior aos outros roteiristas e a Panini acertou em reuni-los em duas edições encadernadas, sendo a primeira publicada em fevereiro de 2012.

A trama é simples: Bruce Wayne anunciou publicamente que financia o Batman e agora irá financiar agentes ao redor do mundo.

Nesta edição ele vai ao Japão para convidar o Sr Desconhecido e encontra-se com a Mulher-Gato. Há na história ideias tão legais quanto um polvo em um apartamento preenchido d'água. E em seguida se envolve em uma trama com um artefato nazista nas Falklands (ou Malvinas, se prefirir) e envolve o argentino El Gaucho, o inglês Capuz e a americana Batwoman. Num epílogo vemos o africano e super-científico Batwing.

O texto é fácil, mas é uma obra de Morrison. Então há um grande inimigo oculto e uma trama que permeia a primeira série (8 números mais um especial). Segundo informações da DC Batman Inc. Volume 2 seria a 53ª série de Os Novos 52. Infelizmente também será o adeus do escritor ao personagem.

A edição nacional reúne as edições #1-5 e não faz menção a quando será publicado a conclusão deste volume. Arte de Yanick Paquette (hoje em The New 52: Swamp Thing), Chris Burnham, Michel Lacombe.

(Será o vilão o Sr Whisper?)

Postagens mais visitadas deste blog

Lost – A sexta temporada: Um resumo bem pessoal de Lost, até o episódio 9 da sexta temporada.

Existe uma ilha com propriedades magnéticas e místicas. Magnéticas porque há um contador da energia que se acumula na ilha. E místicas porque ela possui um mecanismo que pode ser utilizado para alterar sua posição no tempo e espaço.
Dois seres habitam esta ilha. Um deles, Jacob, está impedindo que o outro, ainda sem nome, saia.
Jacob pode sair da ilha e pode atrair pessoas para lá.
A função de Jacob é impedir que o outro saia da ilha. O segundo deseja matar Jacob para poder sair.
Este segundo pode se tornar uma fumaça escura que agrupada pode se tornar pessoas – geralmente entes queridos mortos – ou ser usada para destruição. Durante muitos anos, nós expectadores, achávamos que era nano-tecnologia que tem conceito semelhante.
Em 1.867 um navio chega a ilha trazendo Ricardo que se tornará agente externo de Jacob. Ricardo se torna imortal graças aos poderes de Jacob.
Um núcleo de pessoas sempre habitou a ilha. Possivelmente atraídos por Jacob. Sempre.
Após enterrar uma bomba de hidrogênio…

EaD: Como estudar sozinho em casa

Árvore genealógica do Superman

Em Krypton Chronicles, uma série que contava a história dos ancestrais de Kal-El a DC publicou a árvore genealógica abaixo.

Divirta-se!