Pular para o conteúdo principal

Vilões unidos jamais serão vencidos! Hum... não é bem assim!

Estes dias estava lendo alguns quadrinhos antigos e encontrei a Sociedade Secreta dos Super-Vilões e resolvi fazer um review da série de curta duração número a número.
A série escrita e editada por Gerry Conway, lápis de Pablo Marcos e finais de Bob Smith, iniciou sua carreira bimestral em maio/junho de 1.976 e trazia uma lógica simples: vilões unidos poderiam fazer frente aos heróis.

Na primeira edição Mestre dos Espelhos, Capitão Frio, gorila Grodd, Cobra Venenosa, Sinestro, Safira Estrela (uma segunda personagem, não a da série do Lanterna Verde), Mago (da Terra-2), Capitão Bumerangue, Ladrão das Sombras e Mulher-Gato (citada, apenas) são reunidos por um clone de Paul Kirk, o Caçador e financiados por alguém que deseja permanecer nas sombras no momento, para executarem ações conjuntas.

Claro, que inevitavelmente a natureza de traição dos vilões viria à tona, como mostra uma missão conjunta de Grodd e Cobra Venenosa para mostrarem merecerem a atenção do misterioso financiador.

O sujeito deve ter recursos mesmo, já que além de um prédio e armamento conseguiu enviar uma mensagem para Sinestro nos confins do espaço.

Cheia de boas intenções que não se realizam a edição não convence, mas estabelece as diretrizes gerais da série.

Continuaremos em breve.

Postagens mais visitadas deste blog

Lost – A sexta temporada: Um resumo bem pessoal de Lost, até o episódio 9 da sexta temporada.

Existe uma ilha com propriedades magnéticas e místicas. Magnéticas porque há um contador da energia que se acumula na ilha. E místicas porque ela possui um mecanismo que pode ser utilizado para alterar sua posição no tempo e espaço.
Dois seres habitam esta ilha. Um deles, Jacob, está impedindo que o outro, ainda sem nome, saia.
Jacob pode sair da ilha e pode atrair pessoas para lá.
A função de Jacob é impedir que o outro saia da ilha. O segundo deseja matar Jacob para poder sair.
Este segundo pode se tornar uma fumaça escura que agrupada pode se tornar pessoas – geralmente entes queridos mortos – ou ser usada para destruição. Durante muitos anos, nós expectadores, achávamos que era nano-tecnologia que tem conceito semelhante.
Em 1.867 um navio chega a ilha trazendo Ricardo que se tornará agente externo de Jacob. Ricardo se torna imortal graças aos poderes de Jacob.
Um núcleo de pessoas sempre habitou a ilha. Possivelmente atraídos por Jacob. Sempre.
Após enterrar uma bomba de hidrogênio…

EaD: Como estudar sozinho em casa

Árvore genealógica do Superman

Em Krypton Chronicles, uma série que contava a história dos ancestrais de Kal-El a DC publicou a árvore genealógica abaixo.

Divirta-se!