Pular para o conteúdo principal

A Infinita Saga do Infinito, Parte III: Alguns cross-overs para estender um pouco a trama

Em Marvel Feature # 12 – 1973 (A Saga de Thanos # 02, Ed. Abril) de Mike Friedrich, Jim Starlin e Joe Sinnott, Coisa e Homem de Ferro enfrentam os Irmãos Sangue que já haviam enfrentado o vingador dourado em The Invencible Iron Man # 55 – recentemente esta dupla de alienígenas apareceu no Brasil durante a saga Segurança Máxima, publicada pela Panini Comics.

Após este Marvel Feature o Coisa recebe a série de encontros Marvel Two In One (Marvel dois em um).

Em Daredevil # 104-107, 1º volume – 1973 (A Saga de Thanos # 02) de Steve Gerber, Don Heck e Sal Trapani a saga estende-se e envolve Demolidor e sua coadjuvante oficial na época, a Viúva Negra – que durante um período chegou a ocupar também o logotipo oficial da revista. A dupla enfrenta Kraven, o Caçador, Angar, o gritador (!) e o chefe de Matthew Murdock que usa a Serpente da Lua para ter acesso ao poder de um monstro semelhante ao golem mítico.

Neste meio tempo conhecemos melhor a Serpente da Lua, com inclusive direito à seqüência de origem com argumento e arte de Starlin onde descobrimos que a heroína foi uma vítima de Thanos treinada no Monastério Shao-Lon em Titã sob ordens de Mentor!

A aventura faz uma referência, inclusive, à uma história onde a Serpente da Lua faz com que Homem de Ferro lute contra Namor para testar os poderes dos heróis para assim escolher os melhores para enfrentarem a ameaça de Thanos – desculpa semelhante seria usada pela DC Comics em relação ao Monitor na década de 1980.

Serpente tem tempo para descobrir que foi traída, restaurar a visão de Murdock (!), unir-se à dupla para enfrentar o monstruoso golem e ainda deixar Murdock novamente cego, já que o herói percebe que somente seus sentidos especiais, perdidos com o retorno da visão, podem auxiliar na derrota do vilão. Quando a edição aproxima-se do final surge o Capitão Marvel que ajuda a derrotar o monstro e coloca todos à par dos acontecimentos e da invasão eminente.

Postagens mais visitadas deste blog

Lost – A sexta temporada: Um resumo bem pessoal de Lost, até o episódio 9 da sexta temporada.

Existe uma ilha com propriedades magnéticas e místicas. Magnéticas porque há um contador da energia que se acumula na ilha. E místicas porque ela possui um mecanismo que pode ser utilizado para alterar sua posição no tempo e espaço.
Dois seres habitam esta ilha. Um deles, Jacob, está impedindo que o outro, ainda sem nome, saia.
Jacob pode sair da ilha e pode atrair pessoas para lá.
A função de Jacob é impedir que o outro saia da ilha. O segundo deseja matar Jacob para poder sair.
Este segundo pode se tornar uma fumaça escura que agrupada pode se tornar pessoas – geralmente entes queridos mortos – ou ser usada para destruição. Durante muitos anos, nós expectadores, achávamos que era nano-tecnologia que tem conceito semelhante.
Em 1.867 um navio chega a ilha trazendo Ricardo que se tornará agente externo de Jacob. Ricardo se torna imortal graças aos poderes de Jacob.
Um núcleo de pessoas sempre habitou a ilha. Possivelmente atraídos por Jacob. Sempre.
Após enterrar uma bomba de hidrogênio…

EaD: Como estudar sozinho em casa

Árvore genealógica do Superman

Em Krypton Chronicles, uma série que contava a história dos ancestrais de Kal-El a DC publicou a árvore genealógica abaixo.

Divirta-se!