Pular para o conteúdo principal

The New 52: Justice League #02 e outras


Eu devo estar bêbado! (Perdão! Eu não bebo!)

Mas é isso mesmo! Justice League #02 é bem melhor que #01. Não se tem mais aquela sensação de preâmbulo para a história inicial. Mas a segunda história ainda o é. Superman briga com o Lanterna Verde que foge com o Batman e a caixa materna, enquanto o Lanterna telefone para o Flash e o quarteto inicial da futura equipe está montado. No sub-plot Victor Stone sente a rejeição do pai, mas é vitimado quando a caixa materna que o Laboratório Star está investigando o atinge.

E começa a invasão das tropas de parademônios!

Ressurection Man #02 não consegue manter o bom trabalho da edição anterior. Vai para a direção de “eu tenho poderes estranhos, não sei quem sou e quero descobrir qual é a minha vida e estou sendo atacado por gostosonas semi-nuas”. Apenas mais uma edição para testar.

Batman & Robin #02 funciona bem e parece ser constante. A nova dupla dinâmica e suas deficiências chamam a atenção e devem manter a série sob holofotes, especialmente no ano que vem. Os diálogos afiados em Tomasi lembram em muito o texto de O'Neil para Legends of the dark knight no início da série. Vale e muito a pena acompanhar.

OMAC #02 está o mesmo ritmo grandioso da primeira edição, mas infelizmente está sendo a série com menor venda até o momento, correndo o risco de ser cancelada. E para terminar Swamp Thing #02 do Scott Snyder não traz respostas e aumenta a confusão, mas faz com qualidade e decência, produzindo uma boa edição dois. Estas três últimas garantem meu interesse para a terceira edição.




Postagens mais visitadas deste blog

Lost – A sexta temporada: Um resumo bem pessoal de Lost, até o episódio 9 da sexta temporada.

Existe uma ilha com propriedades magnéticas e místicas. Magnéticas porque há um contador da energia que se acumula na ilha. E místicas porque ela possui um mecanismo que pode ser utilizado para alterar sua posição no tempo e espaço.
Dois seres habitam esta ilha. Um deles, Jacob, está impedindo que o outro, ainda sem nome, saia.
Jacob pode sair da ilha e pode atrair pessoas para lá.
A função de Jacob é impedir que o outro saia da ilha. O segundo deseja matar Jacob para poder sair.
Este segundo pode se tornar uma fumaça escura que agrupada pode se tornar pessoas – geralmente entes queridos mortos – ou ser usada para destruição. Durante muitos anos, nós expectadores, achávamos que era nano-tecnologia que tem conceito semelhante.
Em 1.867 um navio chega a ilha trazendo Ricardo que se tornará agente externo de Jacob. Ricardo se torna imortal graças aos poderes de Jacob.
Um núcleo de pessoas sempre habitou a ilha. Possivelmente atraídos por Jacob. Sempre.
Após enterrar uma bomba de hidrogênio…

EaD: Como estudar sozinho em casa

Árvore genealógica do Superman

Em Krypton Chronicles, uma série que contava a história dos ancestrais de Kal-El a DC publicou a árvore genealógica abaixo.

Divirta-se!