Pular para o conteúdo principal

Sarcófago: Invictus, a revista

Série da EBAL que trazia material da DC Comics iniciada em agosto de 1977 em formatinho, cores e bimestral.

Durou 20 números terminando em outubro/novembro de 1980 e trouxe em suas páginas material das séries Lanterna Verde & Arqueiro Verde escrita por Denny O’Neil com arte de Mike Grell e depois de Alex Saviuk e Flash escrita por Cary Bates e arte de Irv Novick com finais de Frank McLaughlin.

Durante vários números teve o formato flip-flop onde as aventuras tinham posições invertidas na publicação sendo uma “de cabeça para baixo” em comparação à outra – formato usado mais recentemente em The Authority/The Planetary da Pandora Books Editora.

Devido ao formato fixo da revista no Brasil, o que ocasionava páginas livres já que Flash e Lanterna Verde/Arqueiro Verde tinham em média 34 a 36 páginas, era muito comum que surgisse uma terceira aventura e que estas fossem divididas em duas edições, ficando 7, 8 ou 9 páginas em cada edição.

Após o fim da série Flash foi para “A melhor” e Lanterna Verde & Arqueiro Verde tiveram algumas poucas histórias contadas em Superboy – 5ª série.

Graças a uma aventura do Lanterna Verde/Arqueiro Verde com o Lanterna Verde da Terra-2 tive meu primeiro contato com o conceito de múltiplas Terras da DC Comics. Hoje a história soa simplória em demasiado.

Postagens mais visitadas deste blog

Lost – A sexta temporada: Um resumo bem pessoal de Lost, até o episódio 9 da sexta temporada.

Existe uma ilha com propriedades magnéticas e místicas. Magnéticas porque há um contador da energia que se acumula na ilha. E místicas porque ela possui um mecanismo que pode ser utilizado para alterar sua posição no tempo e espaço.
Dois seres habitam esta ilha. Um deles, Jacob, está impedindo que o outro, ainda sem nome, saia.
Jacob pode sair da ilha e pode atrair pessoas para lá.
A função de Jacob é impedir que o outro saia da ilha. O segundo deseja matar Jacob para poder sair.
Este segundo pode se tornar uma fumaça escura que agrupada pode se tornar pessoas – geralmente entes queridos mortos – ou ser usada para destruição. Durante muitos anos, nós expectadores, achávamos que era nano-tecnologia que tem conceito semelhante.
Em 1.867 um navio chega a ilha trazendo Ricardo que se tornará agente externo de Jacob. Ricardo se torna imortal graças aos poderes de Jacob.
Um núcleo de pessoas sempre habitou a ilha. Possivelmente atraídos por Jacob. Sempre.
Após enterrar uma bomba de hidrogênio…

EaD: Como estudar sozinho em casa

Árvore genealógica do Superman

Em Krypton Chronicles, uma série que contava a história dos ancestrais de Kal-El a DC publicou a árvore genealógica abaixo.

Divirta-se!