Pular para o conteúdo principal

A volta 2

Já que falei em Quesada é bom lembrar que finalmente a Marvel Comics explicou o imbróglio One more day/Brand new day.

Resumo: O Aranha revelou sua identidade civil em uma coletiva de imprensa em Guerra Civil. May Parker foi alvejada e com a tia às portas da morte, Parker faz um pacto com Mefisto. A continuidade da série é reescrita com alterações e a Marvel lança com estardalhaço a série The Amazing Spider-Man agora três vezes ao mês e cancela as séries paralelas.

Nesta nova realidade as pessoas não se recordam da identidade do herói (fato refletido em Os Novos Vingadores, equipe que o Aranha participa) e Peter não é casado com Mary Jane Watson.

Com as quedas nas vendas a Marvel finalmente explicou o quê realmente aconteceu: o herói não se casou e se afastou de Mary Jane anos atrás, além de outros detalhes.

A explicação não causou o furor no fandom necessário para por o personagem em evidência, mas com a nova cine-série se aproximando a Marvel tem tempo para arrumar a casa.

O engraçado é que ninguém se incomoda com o fato de tornar Mefisto, o demônio-chefe da Marvel, uma das criaturas mais poderosas de todos os tempos, capaz de alterar permanentemente o passado (impediu o casamento). O mesmo se aplica à Dr. Strange, responsável pelo feitiço que fez todos esquecerem a identidade secreta. Os próximos roteiristas terão que ter muito cuidado quando tratarem estes personagens.

Com isso se aproxima de duas décadas a última vez que vi histórias interessantes com o amigão da vizinhança. Foi pouco antes de A saga do clone e a equipe de criação era JM DeMatteis & Sal Buscema para a série Peter Parker: The Spetacular Spider-Man.

E nessas horas que me pergunto: onde andará David Michelinie?

Postagens mais visitadas deste blog

EaD: Como estudar sozinho em casa

Lost – A sexta temporada: Um resumo bem pessoal de Lost, até o episódio 9 da sexta temporada.

Existe uma ilha com propriedades magnéticas e místicas. Magnéticas por que há um contador da energia que se acumula na ilha. E místicas por que ela possui um mecanismo que pode ser utilizado para alterar sua posição no tempo e espaço.

Dois seres habitam esta ilha. Um deles, Jacob, está impedindo que o outro, ainda sem nome, saia.

Jacob pode sair da ilha e pode atrair pessoas para lá.

A função de Jacob é impedir que o outro saia da ilha. O segundo deseja matar Jacob para poder sair.

Este segundo pode se tornar uma fumaça escura que agrupada pode se tornar pessoas – geralmente entes queridos mortos – ou ser usada para destruição. Durante muitos anos, nós expectadores, achávamos que era nano-tecnologia que tem conceito semelhante.

Em 1.867 um navio chega a ilha trazendo Ricardo que se tornará agente externo de Jacob. Ricardo se torna imortal graças aos poderes de Jacob.

Um núcleo de pessoas sempre habitou a ilha. Possivelmente atraídos por Jacob. Sempre.

Após enterrar uma bomba de hidrogên…

O único animal, Luís Fernando Veríssimo

O homem é o único animal...
...que ri
...que chora
...que chora de rir
...que passa por outro e finge que não vê
...que fala mais do que papagaio
...que está sempre no cio
...que passa trote
...que passa calote
...que mata a distância
...que manda matar
...que esfola os outros e vende o pêlo
...que alimenta as crias, mas depois cobra com chantagem sentimental
...que faz o que gosta escondido e o que não gosta em público
...que leva meses aprendendo a andar
...que toma aula de canto
...que desafina
...que paga pra voar
...que pensa que é anfíbio e morre afogado
...que pensa que é bípede e tem problema de coluna
...que não tem rabo colorido, mas manda fazer
...que só muda de cor com produtos químicos ou de vergonha
...que tem que comprar antenas
...que bebe, fuma, usa óculos, fica careca, põe o dedo no nariz e gosta de ópera
...que faz boneco inflável de fêmea
...que não suporta o próprio cheiro
...que se veste
...que veste os outros
...que despe os outros
...que só lambe os outros
...que tem cotas de emigração
...qu…