Pular para o conteúdo principal

Nossa última e melhor esperança de vitória: Babylon 5! – Parte 6

As temporadas

A trama geral de Babylon 5 foi feita para ser narrada em quatro temporadas. Ao final desta quarta temporada houve a transferência de canais, e a TNT convenceu Straczynski a produzir uma quinta temporada, que apesar de superior a muito material produzido na década de 1.990 é injustamente acusada de ser inferior. Na verdade, a quinta temporada sofre do mesmo mal que sofreu o terceiro ano da série “Battlestar Galactica”, pois ambas trocam parte da aventura para mostrarem manobras políticas.

1ª Temporada – Presságios e prelúdios – Straczynski gasta toda a primeira temporada para sabiamente apresentar os personagens e as tramas existentes. Na Terra é eleito um presidente fraco. Criaturas misteriosas, tidas como reais para os narns e lendas para outros povos, acordam.

2ª Temporada – A chegada das sombras – Sinclair, comandante da Babylon 5 é afastado da estação e trocado por John Sheridan, um militar odiado pelos minbaris – excelente escolha para um cargo diplomático, não?

Sinclair vai para um cargo de Embaixador terrestre em Minbar e não retornará à série exceto em uma participação especial na terceira temporada. Luís Santiago, o presidente eleito morre ao final da primeira temporada, mas existem suspeitas que incriminam Clark, vice de Santiago e atual presidente.

O Império Centauri recebe o auxílio de uma raça de imenso poder destrutivo. O auxílio é oferecido por Morden, um humano emissário da raça misteriosa que se revela serem as “sombras”, criaturas destrutivas recém acordadas que um sono milenar. Sabendo do retorno das sombras, Deleen e Kosh criam uma aliança com Sheridan.

Extasiado com o poder destrutivo das sombras, Mollari os usa para derrotar o Regime Narn e massacrar o povo de G’Kar, tornando-os novamente escravos dos centauri. Mollari decide se afastar de Morden, que aceita, desde que a galáxia seja dividida entre os centauri e o povo que ele representa – não fica claro para Mollari que são as sombras que estão auxiliando-o.

Sheridan conquista a confiança de Ivanova, Garibaldi, Franklin e Winters, mas esta última é substituída por Lyta Alexander, pois fazia parte de um plano da Psi Corps. Assim, o comandante revela aos três primeiros um movimento de resistência a atos de endurecimento político de Clark, cujo governo caminha para uma ditadura fascista. Ao longo da temporada Sheridan ganha a confiança de Deleen, que se tornou um híbrido minbari-humano entre a primeira e segunda temporada. A embaixadora passa a ele o comando de uma milícia chamada “Rangers” treinados em território minbari.

3ª Temporada – Ponto sem volta – Talvez a mais pessimista das temporadas (e por isso mesmo a melhor). Babylon 5 falhou em seu propósito! Houve a guerra Centauri-Narn que resultou na derrota dos narns, Clark está implantando vigias em todos os lugares e tudo parece estar perdido quando descobrimos que as sombras tem ligação com o gabinete do presidente.

Ivanova consegue um vídeo que incrimina Clark do assassinato de Santiago, e pressionado o presidente instaura lei marcial. Quando a lei marcial chega à estação Sheridan rompe com a Terra e recebe o auxílio militar dos minbari para proteger Babylon 5.

Ao elenco fixo de Babylon 5 são acrescentados dois personagens: Marcus, um ranger, que passa a usar a estação como base e Zack Allan, o sub-chefe de segurança, que já existia em temporadas anteriores, mas era meramente ilustrativo. Allan é de fundamental importância quando ao longo da segunda e terceira temporadas, o presidente Clark dá poder a uma agência chamada de Nightwatch, que deveria espionar os atos de militares e civis.

O mistério da Babylon 4, que já tinha aparecido na primeira temporada é finalmente solucionado com a participação especial de Sinclair. Explica-se parcialmente como foi ganha a 1ª Guerra das Sombras e sub-entende-se a sabotagem das três primeiras estações.

As sombras atacam publicamente, mas os Mundos não Alinhados não querem colaborar com Sheridan enquanto não houve uma comprovação real que é possível derrotá-las. G’Kar colabora com Sheridan desde que este rompeu com a Terra, e logo entra na nova Aliança, ao mesmo passo que Mollari após se afastar de Morden, decide voltar a colaborar com as sombras.

Nesta altura da série já está confirmado que Mollari será o imperador centauri em algum momento no futuro e quais serão as circunstâncias de sua morte (cuja cena aparece de relance desde a primeira temporada).

4ª temporada – Não retroceder, não render-se – A conclusão de muitas tramas da série. A temporada começa com o retorno de Sheridan da “morte”. Ao final da terceira temporada ele vai a Z’Ha’Dum o planeta das sombras de onde ninguém retorna com vida. Auxiliado por uma raça ancestral, Sheridan consegue este feito e conclui a Guerra das Sombras.

Em Centauri Prime, Mollari e Vir se envolvem em um complô para derrubar o Imperador Cartagia, um louco da extirpe de Calígula, insano o suficiente para permitir que toda a população de seu mundo seja exterminada durante o processo de ascensão pessoal ao status de “deus” pelas sombras. Confirmando algumas expectativas do final da terceira temporada, G’Kar colabora com Mollari e consegue a liberdade para seu povo.

Com o final da Guerra das Sombras resta a trama do Presidente Clark que deseja recuperar a estação.

5ª temporada – A roda de fogo – Sheridan, agora presidente da “Aliança” estabelece a sede na estação Babylon 5, onde a Capitã Lochley assume o lugar de Ivanova. Algumas tramas criadas para Lochley lembram ecos de Ivanova, especialmente as que citam uma possível homossexualidade ou bissexualidade, já que ela já havia sido esposa de um personagem importante da série e na série posterior, Crusade, se envolve românticamente com o Capitão da Excalibur.

Na primeira metade da temporada a chegada dos telepatas à estação e seus conflitos com a Psi Corps, cuja Guerra Psi ainda não foi registrada ainda nem na TV, nem nos livros. Sabe-se que Straczynski deseja narrar no mínimo mais duas histórias, uma sobre o Império Centauri sob o triste governo de Mollari e uma sobre o fim da Psi Corps, nas Guerras Psi.

Um dos episódios da 5ª Temporada mostra o “Dia dos Mortos” da raça Brakiri e é escrito por Neil Gaiman – autor de Sandman e Deuses Americanos – e segue a risca os roteiros do autor: durante uma noite a estação “pertence” aos Brakiri e os mortos da série voltam não para assombrar mas para definir as últimas ações dos personagens da série.

Na segunda metade percebe-se que uma raça está tentando enfraquecer a Aliança e investigam apontam para os Centauri. Na verdade, todos estão sendo manipulados pelos Drakh, uma raça que servia as sombras – a “sombra das sombras” conforme um deles mesmo diz.

Os Drakh culpam o regente do Império Centauri e revelam a verdade à Mollari, a quem chantageiam para aceitar um parasita. Quando ascende ao trono, Mollari já está controlado e suas ações seguem os interesses dos Drakh.

Os episódios “Object in motion” e “Object in rest” – os 20º e 21º da temporada – mostram que todos os personagens se afastam da estação. Mollari, imperador desde o 19º episódio mora em Homeworld Centauri, o Dr. Franklin vai para o Domo Um na Terra, pesquisar sobre raças alienígenas; Garibaldi e sua esposa Lise retornam para Marte para dirigirem as Empresas Edgards; G’Kar e Lyta saem em uma busca pelo desconhecido – ela buscando um mundo para os telepatas, trama, que posteriormente à série, iria eclodir nas Guerra Psi; Lennier, está nos Rangers e ao final Sheridan e Delleen mudam a sede da Aliança para Minbar, abandonando então a estação.

Em “Object in rest” são escolhidos os substitutos para as funções. Vir Cotto assume como Embaixador Centauri, Ta’Lon assume para Embaixador Narn, Número Um – uma terrorista marciana da resistência à Clark – assume como chefe de espionagem, uma assistente de Franklin assume o departamento médico e Lochley e Zack continuam em seus cargos de Comandante e Chefe de Segurança.

O último episódio se passa 19 anos no futuro e foi filmado no final da 4ª temporada. Apresenta Ivanova como chefe do Domo Um na Terra, e os amigos se encontram para uma despedida, tanto de Sheridan quanto da estação. Este episódio confirma eventos já narrados no decorrer da série como a morte de G’Kar e Mollari e a ascensão de Vir ao trono.

Postagens mais visitadas deste blog

EaD: Como estudar sozinho em casa

Lost – A sexta temporada: Um resumo bem pessoal de Lost, até o episódio 9 da sexta temporada.

Existe uma ilha com propriedades magnéticas e místicas. Magnéticas por que há um contador da energia que se acumula na ilha. E místicas por que ela possui um mecanismo que pode ser utilizado para alterar sua posição no tempo e espaço.

Dois seres habitam esta ilha. Um deles, Jacob, está impedindo que o outro, ainda sem nome, saia.

Jacob pode sair da ilha e pode atrair pessoas para lá.

A função de Jacob é impedir que o outro saia da ilha. O segundo deseja matar Jacob para poder sair.

Este segundo pode se tornar uma fumaça escura que agrupada pode se tornar pessoas – geralmente entes queridos mortos – ou ser usada para destruição. Durante muitos anos, nós expectadores, achávamos que era nano-tecnologia que tem conceito semelhante.

Em 1.867 um navio chega a ilha trazendo Ricardo que se tornará agente externo de Jacob. Ricardo se torna imortal graças aos poderes de Jacob.

Um núcleo de pessoas sempre habitou a ilha. Possivelmente atraídos por Jacob. Sempre.

Após enterrar uma bomba de hidrogên…

O único animal, Luís Fernando Veríssimo

O homem é o único animal...
...que ri
...que chora
...que chora de rir
...que passa por outro e finge que não vê
...que fala mais do que papagaio
...que está sempre no cio
...que passa trote
...que passa calote
...que mata a distância
...que manda matar
...que esfola os outros e vende o pêlo
...que alimenta as crias, mas depois cobra com chantagem sentimental
...que faz o que gosta escondido e o que não gosta em público
...que leva meses aprendendo a andar
...que toma aula de canto
...que desafina
...que paga pra voar
...que pensa que é anfíbio e morre afogado
...que pensa que é bípede e tem problema de coluna
...que não tem rabo colorido, mas manda fazer
...que só muda de cor com produtos químicos ou de vergonha
...que tem que comprar antenas
...que bebe, fuma, usa óculos, fica careca, põe o dedo no nariz e gosta de ópera
...que faz boneco inflável de fêmea
...que não suporta o próprio cheiro
...que se veste
...que veste os outros
...que despe os outros
...que só lambe os outros
...que tem cotas de emigração
...qu…