Open top menu
sexta-feira, 25 de julho de 2014

Madame Xanadu foi criada por David Michelinie (escritor), Val Mayerik (artista) e Michael W Kaluta (designer da personagem e capista). Estreou em Doorway to Nightmare 1 (1978), e a estrutura de suas histórias era mais ou menos a seguinte: um “cliente” chega a loja de Madame Xanadu e através da leitura das cartas de tarô, uma história é contada. História, é claro, com os elementos sobrenaturais.

Doorway to Nightmare foi o último dos títulos de “mistério” da DC. Durou apenas cinco números e as histórias de Madame Xanadu passaram para a The Unexpected, que havia se transformado em uma antologia de 68 páginas (um dos famosos “Dollar Comics”) depois de ser fundida com The Witching Hour. Ficou lá por quatro números e em 1981 ganhou um único número próprio, Madame Xanadu.

Ela é identificada com Nimue, a feiticeira dos mitos arturianos (coisa explorada mais tarde por várias séries... a última sendo Demon Knights e Justice League Dark, dos Novos 52).

Aqui no Brasil, as histórias de Madame Xanadu (assim como várias outras de terror de The Unexpected) foram publicadas pela EBAL em Histórias de Assombração entre 1977 e 1981.

Texto: Ben Santana.
Originalmente publicado na página do Facebook do Quadrinhos Neolíticos.
Different Themes
Written by Lovely

Aenean quis feugiat elit. Quisque ultricies sollicitudin ante ut venenatis. Nulla dapibus placerat faucibus. Aenean quis leo non neque ultrices scelerisque. Nullam nec vulputate velit. Etiam fermentum turpis at magna tristique interdum.

0 comentários