Pular para o conteúdo principal

Doctor Who [Arco 75]: Robot


Dizem que todos tem que iniciar por algum lugar. Desde que eu conheci o Doutor e a estrutura da série tenho iniciado diversas vezes o primeiro arco (An Unearthly Child), ainda sem sucesso. Está claramente datado, mas se esforço. Ainda assim, obtive bons níveis de divertimento com as tentativas seguintes com Robot (arco 75, o primeiro com o quarto interprete) e The tomb of the Cybermen (arco 37, uma história do segundo Doutor). Acho mais divertido não ser tão rigoroso com cronologia com sou nos quadrinhos e literatura e assistir a um passeio de Doutores, ainda que mesmo neste caos haja alguma ordem.

[Localização no Continuum]
Robot é o 75º arco da série de TV britânica Doctor Who, exibida pela BBC. É o primeiro arco da 12º temporada, assim como o primeiro com o quarto Doutor, interpretado por Tom Baker. É composto de 4 episódios com 25 minutos em média e foi exibido de 28/12/1974 a 18/01/1975.

[Trama]
Após a terceira regeneração do Doutor, o senhor do tempo vê-se envolvido em uma trama onde um instituto de pesquisa (National Institute for Advanced Scientific Reseach) se apropria de um robô criado por um de seus ex-colaboradores (Professor JP Kettlewell) para roubar segredos militares.
Como o Doutor está em processo de recuperação, geralmente bastante confuso (o quê me faz lembrar os efeitos do Poço de Lázaro da cronologia do homem-morcego) há espaço para Sarah Jane Smith (Elisabeth Sladen) agir como investigadora e para o Brigadeiro Lethbrige-Stewart (Nicholas Courtney) da UNIT tranquilizar seus agentes sobre quem é o “novo” Doutor, evitando as confusões da regeneração anterior, assim como indicar um novo companheiro para o senhor do tempo.

Tipica trama militar da época da Guerra Fria (roubo de segredos pelo uso de tecnologia) mesclada a história do monstro criado pelo homem (semelhante à Frankenstein) que sai completamente ao controle (lembrando em alguns momentos King Kong), o arco cumpre sua missão de apresentar o novo Doutor e estabelecer os companheiros deste período: Sarah Jane e Harry Sullivan (Ian Marter).

-1
(Arco 74)
0
(Arco 75)
+1
(Arco 76)
Planet of the Spiders
Robot



Postagens mais visitadas deste blog

Lost – A sexta temporada: Um resumo bem pessoal de Lost, até o episódio 9 da sexta temporada.

Existe uma ilha com propriedades magnéticas e místicas. Magnéticas porque há um contador da energia que se acumula na ilha. E místicas porque ela possui um mecanismo que pode ser utilizado para alterar sua posição no tempo e espaço.
Dois seres habitam esta ilha. Um deles, Jacob, está impedindo que o outro, ainda sem nome, saia.
Jacob pode sair da ilha e pode atrair pessoas para lá.
A função de Jacob é impedir que o outro saia da ilha. O segundo deseja matar Jacob para poder sair.
Este segundo pode se tornar uma fumaça escura que agrupada pode se tornar pessoas – geralmente entes queridos mortos – ou ser usada para destruição. Durante muitos anos, nós expectadores, achávamos que era nano-tecnologia que tem conceito semelhante.
Em 1.867 um navio chega a ilha trazendo Ricardo que se tornará agente externo de Jacob. Ricardo se torna imortal graças aos poderes de Jacob.
Um núcleo de pessoas sempre habitou a ilha. Possivelmente atraídos por Jacob. Sempre.
Após enterrar uma bomba de hidrogênio…

EaD: Como estudar sozinho em casa

Árvore genealógica do Superman

Em Krypton Chronicles, uma série que contava a história dos ancestrais de Kal-El a DC publicou a árvore genealógica abaixo.

Divirta-se!