Pular para o conteúdo principal

The New 52: Men of War


Quando eu tinha vinte anos fui obrigado a servir a Pátria me alistando no Tiro de Guerra. Não gostei da experiência, ainda que vários colegas tenham ficado maravilhados com a disciplina militar, a farda, o armamento, etecetera e tal.

O título The New 52: Men of War de Ivan Brandon e Tom Derenick é para o público que gosta de quadrinhos militares como as séries originais de Sargento Rock, Soldado Desconhecido, Conflito do Vietnã ou Comandos em Ação.

A primeira edição mostra um assalto liderado pelo Cabo Joseph Rock, neto do Rock famoso, onde os militares encontram com um super-ser nas sombras e escarnecem da suposta ajuda que o ser lhes fornece.

Termina a edição ferido e tendo que liderar os restos da tropa de assalto para sair dos escombros provocados pelo confronto entre dois super-seres.

O traço de Tom Derenick lembra em muito a arte final de Tom Palmer, especialmente quando o finalista trabalhava sobre o traço de John Buscema, tornando a arte palatável para o fã clássico de quadrinhos.

No bojo Men of War é uma série de guerra num mundo povoado por super-seres, por isso não sei dizer se será relevante ao contexto de reestruturação de um universo de quadrinhos. Mas realmente não tenho uma opinião definitiva para a série. Por curiosidade devo olhar o primeiro arco para ver no que vai dar, mas aviso: é para fã de séries militares!

Postagens mais visitadas deste blog

Lost – A sexta temporada: Um resumo bem pessoal de Lost, até o episódio 9 da sexta temporada.

Existe uma ilha com propriedades magnéticas e místicas. Magnéticas porque há um contador da energia que se acumula na ilha. E místicas porque ela possui um mecanismo que pode ser utilizado para alterar sua posição no tempo e espaço.
Dois seres habitam esta ilha. Um deles, Jacob, está impedindo que o outro, ainda sem nome, saia.
Jacob pode sair da ilha e pode atrair pessoas para lá.
A função de Jacob é impedir que o outro saia da ilha. O segundo deseja matar Jacob para poder sair.
Este segundo pode se tornar uma fumaça escura que agrupada pode se tornar pessoas – geralmente entes queridos mortos – ou ser usada para destruição. Durante muitos anos, nós expectadores, achávamos que era nano-tecnologia que tem conceito semelhante.
Em 1.867 um navio chega a ilha trazendo Ricardo que se tornará agente externo de Jacob. Ricardo se torna imortal graças aos poderes de Jacob.
Um núcleo de pessoas sempre habitou a ilha. Possivelmente atraídos por Jacob. Sempre.
Após enterrar uma bomba de hidrogênio…

EaD: Como estudar sozinho em casa

Árvore genealógica do Superman

Em Krypton Chronicles, uma série que contava a história dos ancestrais de Kal-El a DC publicou a árvore genealógica abaixo.

Divirta-se!