Pular para o conteúdo principal

Crise na Terra X (1.973)

Escrito por Len Wein, desenhado por Dick Dillin e finalizado por Dick Giordano, este encontro aconteceu em Justice League of America v1 # 107-108 e deveria chamar-se “Crise na Terra [símbolo de suástica]”, mas Julius Schwartz não permitiu uma referência tão direta ao nazismo.

Aqui as equipes das Terra-1 e 2 durante o teste do dispositivo de transporte desaparecem, surgindo em uma nova dimensão onde descobrem que os Combatentes da Liberdade (Tio Sam, Ray, Doll Man, Condor Negro, Bomba Humana e Lady Fantasma).
 
Nesta dimensão o presidente americano sofreu um ataque de coração em 1.944 e isto trouxe houve uma diferença significativa no desenvolvimento da 2ª Grande Guerra, levando o Eixo à vitória!
A narrativa feita por Tio Sam explica que alguns heróis morreram após estes eventos, em especial os Falcões Negros e o Homem-Borracha., mas o núcleo dos Combatentes permanece ativo.
Assim trios e quarteto são criados para atacarem os nazistas em vários lugares de modo a destruírem dispositivos de alta tecnologia, até que há o enfrentamento entre o misto de Liga e Sociedade contra os Combatentes.
Percebendo o controle mental, Tornado Vermelho (que havia desaparecido no encontro do ano anterior, mas já tinha retornado no intervalo) vai ao espaço e encontra uma estação espacial controlado por um Adolf Hitler robótico.
 
Após destruir a estação a trama sugere que finalmente a guerra havia sido ganha pelos aliados. As equipes constroem dispositivos que levam as equipes da Terra-1 e Terra-2 para casa.
Mas o sucesso do encontro fez com que os Combatentes ganhassem uma série em 1976 de breve duração que estendeu as tramas da Terra X.
Em tramas de All-Star Squadron na época de Crise nas Infinitas Terras e especialmente na edição nº 50 descobrimos que os Combatentes da Liberdade e os heróis que a DC Comics comprou da Quality Comics migraram intencionalmente da Terra-2 para a Terra X durante a guerra.
Posteriormente a DC lançou séries com Falcões Negros (na verdade a série dos Falcões não foi interrompida) e Homem-Borracha, invalidando a narrativa de morte que Tio Sam fez.
Os Combatentes continuaram a agir com maior ou menor intensidade até o massacre da equipe no início de Crise Infinita. Posteriormente surgiu uma nova equipe com homônimos da equipe clássica.

Postagens mais visitadas deste blog

Lost – A sexta temporada: Um resumo bem pessoal de Lost, até o episódio 9 da sexta temporada.

Existe uma ilha com propriedades magnéticas e místicas. Magnéticas porque há um contador da energia que se acumula na ilha. E místicas porque ela possui um mecanismo que pode ser utilizado para alterar sua posição no tempo e espaço.
Dois seres habitam esta ilha. Um deles, Jacob, está impedindo que o outro, ainda sem nome, saia.
Jacob pode sair da ilha e pode atrair pessoas para lá.
A função de Jacob é impedir que o outro saia da ilha. O segundo deseja matar Jacob para poder sair.
Este segundo pode se tornar uma fumaça escura que agrupada pode se tornar pessoas – geralmente entes queridos mortos – ou ser usada para destruição. Durante muitos anos, nós expectadores, achávamos que era nano-tecnologia que tem conceito semelhante.
Em 1.867 um navio chega a ilha trazendo Ricardo que se tornará agente externo de Jacob. Ricardo se torna imortal graças aos poderes de Jacob.
Um núcleo de pessoas sempre habitou a ilha. Possivelmente atraídos por Jacob. Sempre.
Após enterrar uma bomba de hidrogênio…

EaD: Como estudar sozinho em casa

Árvore genealógica do Superman

Em Krypton Chronicles, uma série que contava a história dos ancestrais de Kal-El a DC publicou a árvore genealógica abaixo.

Divirta-se!