Pular para o conteúdo principal

Falcão Negro, por favor não confunda com Gavião Negro!

Falcão Negro (Blackhawk, no original, também chamado de “O Falcão” na EBAL) é o polonês Janos Prohaska que cria uma esquadrilha de aviadores formada por cidadões de nações que a Alemanha nazista ocupou.

O título não é original da DC Comics, mas sim da Quality Comics, e o personagem surgiu em 1941 na revista Military Comics, criado por Chuck Cuidera e Will Eisner.

Em janeiro de 1957 a DC Comics assume a série dando continuidade à numeração a partir do número # 108.

Em Blackhawk # 164 de setembro de 1961 a DC Comics reconta a origem da esquadrilha pela primeira vez desde que a DC Comics adquiriu a série.
A próxima mudança seria estética já que em Blackhawk # 197 de junho de 1964, eles trocam o uniforme azul e preto – mais comum aos leitores modernos da DC Comics – por vermelho e negro.

Em seguida em Blackhawk # 230 de março de 1967 eles tornam-se super-heróis (a moda da época) com os seguintes nomes Big Eye, the Leaper, Dr. Hands, the Golden Centurion, the Listener, the Weapons Master e M’sieu Machine – claro que isso não impediria o cancelamente da série no # 250.

Em outubro de 1982, Blackhawk voltou às bancas com o # 251 por Mark Evanier (Groo) e Dan Spiegle, tendo vida curta.

O personagem só voltaria a ter importância quando Howard Chaykin faz a minissérie Blackhawk (março – maio/1988), e retornaria primeiro em Action Comics Weekly em aventuras de seis páginas e depois em uma nova série própria chamada Blackhawk, que iniciou em março de 1989 por Martin Pasko e Rick Burchett, e teve curta duração.

Em fins de 2003, Warren Ellis (Transmetropolitan, The Planetary) anunciou que teve aval para produzir uma nova série utilizando apenas o personagem principal e que já teria plots para no mínimo 3 anos de aventuras mas a série não saiu no papel.

A grande presença da esquadria nesta década certamente é o episódio triplo da série animada da Liga da Justiça “In Savage Times”, onde a equipe retorna no tempo para impedir a ascensão de Vandal Savage como fuhrer da Alemanha nazista. Emocionante!

Postagens mais visitadas deste blog

Lost – A sexta temporada: Um resumo bem pessoal de Lost, até o episódio 9 da sexta temporada.

Existe uma ilha com propriedades magnéticas e místicas. Magnéticas porque há um contador da energia que se acumula na ilha. E místicas porque ela possui um mecanismo que pode ser utilizado para alterar sua posição no tempo e espaço.
Dois seres habitam esta ilha. Um deles, Jacob, está impedindo que o outro, ainda sem nome, saia.
Jacob pode sair da ilha e pode atrair pessoas para lá.
A função de Jacob é impedir que o outro saia da ilha. O segundo deseja matar Jacob para poder sair.
Este segundo pode se tornar uma fumaça escura que agrupada pode se tornar pessoas – geralmente entes queridos mortos – ou ser usada para destruição. Durante muitos anos, nós expectadores, achávamos que era nano-tecnologia que tem conceito semelhante.
Em 1.867 um navio chega a ilha trazendo Ricardo que se tornará agente externo de Jacob. Ricardo se torna imortal graças aos poderes de Jacob.
Um núcleo de pessoas sempre habitou a ilha. Possivelmente atraídos por Jacob. Sempre.
Após enterrar uma bomba de hidrogênio…

EaD: Como estudar sozinho em casa

Árvore genealógica do Superman

Em Krypton Chronicles, uma série que contava a história dos ancestrais de Kal-El a DC publicou a árvore genealógica abaixo.

Divirta-se!