Pular para o conteúdo principal

The New 52: Justice League #01

A primeira impressão que tenho é que Geof Johns achou interessante fazer uma daqueles edições zero da Image: a editora nos anos 1.990 lançava minisséries mal-escritas e depois vinha com um número zero para explicar alguma parte da trama; geralmente este zero vinha no encadernado o quê obrigava aos “fãs” a comprarem a nova edição.

Agora o número zero é o número um, não revelando realmente nada da trama principal.

Outra coisa é a semelhança com uma trama de Odisséia Cósmica (1989), mas como quem está lendo quadrinhos hoje não tem realmente uma cultura no meio, então pode nem perceber a homenagem ou plágio.

É basicamente um prelúdio para um ataque de Darkseid à Terra e ponto.

A trama: Batman fugindo da polícia encontra-se com o Lanterna Verde Hal Jordan - fica claro que é o primeiro encontro - e juntos perseguem um parademônio que ao perceber estar sendo seguido suicida-se gritando “Por Darkseid”.

Depois eles vão à Metropolis para deter um alienígena sem saber que este é... Superman!

Uma trama adicional mostra o sucesso de Vic Stone nos esportes e a ausência de seu pai.

O molho é que a trama ocorre cinco anos atŕas e é o primeiro encontro de Batman e Lanterna Verde.

Para variar o homem-morcego consegue tirar o anel do dedo do Lanterna sem nenhum esforço. E pronto é isso!

No formato lembra um mangá com a leitura rápida.

Um leitor não deve gastar mais de cinco minutos para ler a edição.

O texto de Johns sugere uma narrativa com muitas partes, ainda indeterminadas. Já a arte de Jim Lee está apressada, lembrando rascunhos.

Talvez assim ele consiga entregar a edição #2 no prazo...

Postagens mais visitadas deste blog

Lost – A sexta temporada: Um resumo bem pessoal de Lost, até o episódio 9 da sexta temporada.

Existe uma ilha com propriedades magnéticas e místicas. Magnéticas porque há um contador da energia que se acumula na ilha. E místicas porque ela possui um mecanismo que pode ser utilizado para alterar sua posição no tempo e espaço.
Dois seres habitam esta ilha. Um deles, Jacob, está impedindo que o outro, ainda sem nome, saia.
Jacob pode sair da ilha e pode atrair pessoas para lá.
A função de Jacob é impedir que o outro saia da ilha. O segundo deseja matar Jacob para poder sair.
Este segundo pode se tornar uma fumaça escura que agrupada pode se tornar pessoas – geralmente entes queridos mortos – ou ser usada para destruição. Durante muitos anos, nós expectadores, achávamos que era nano-tecnologia que tem conceito semelhante.
Em 1.867 um navio chega a ilha trazendo Ricardo que se tornará agente externo de Jacob. Ricardo se torna imortal graças aos poderes de Jacob.
Um núcleo de pessoas sempre habitou a ilha. Possivelmente atraídos por Jacob. Sempre.
Após enterrar uma bomba de hidrogênio…

EaD: Como estudar sozinho em casa

Árvore genealógica do Superman

Em Krypton Chronicles, uma série que contava a história dos ancestrais de Kal-El a DC publicou a árvore genealógica abaixo.

Divirta-se!