Pular para o conteúdo principal

Sarcófago: JLA – Tomorrow Woman/Girlfrenzy!


Em 1.998 a DC Comics fez um discreto evento chamado Girlfrenzy!, na verdade, uma série de especiais dedicados a personagens femininas sem ligação maior entre si.

No ano anterior surgiu a Liga de Grant Morrison, que conseguiu um feito interessante de unir uma série de artistas com habilidades e narrativas semelhantes. Além de Morrison tivemos na série Mark Waid & Tom Peyer que desenvolveram várias edições, sem que houvesse uma diferença de estilo, trabalho que deve ser creditado ao editor Dan Raspler – responsável entre outros trabalhos pelo cross-over DC Um Milhão, recentemente republicado em encadernado pela Panini Comics.

Morrison já tinha mostrado para nós a Tomorrow Woman, mais um andróide do Professor Ivo e Dr T. O. Morrow (F. U. Turo, por aqui) que deveria com os andróides anteriores se infiltrar na equipe e depois traí-la. Quem leu JLA # 5 sabe que assim como os andróides anteriores houve uma certa divergência.

Com uma sinopse desta tudo parece previsível – mas não é! – e a personagem cresce neste especial e ganha profundidade. Diferente de muitos especiais que você teria que ler a série mensal para entender os conceitos e motivação, aqui temos uma história completa e auto-contida que explica tudo que é necessário. Com texto de Tom Peyer, lápis de Yanick Paquette e nanquim de Mark Lipka esta edição é uma excelente oportunidade de ver esta breve heroína, uma das poucas que ainda não retornou da morte.

Postagens mais visitadas deste blog

Lost – A sexta temporada: Um resumo bem pessoal de Lost, até o episódio 9 da sexta temporada.

Existe uma ilha com propriedades magnéticas e místicas. Magnéticas porque há um contador da energia que se acumula na ilha. E místicas porque ela possui um mecanismo que pode ser utilizado para alterar sua posição no tempo e espaço.
Dois seres habitam esta ilha. Um deles, Jacob, está impedindo que o outro, ainda sem nome, saia.
Jacob pode sair da ilha e pode atrair pessoas para lá.
A função de Jacob é impedir que o outro saia da ilha. O segundo deseja matar Jacob para poder sair.
Este segundo pode se tornar uma fumaça escura que agrupada pode se tornar pessoas – geralmente entes queridos mortos – ou ser usada para destruição. Durante muitos anos, nós expectadores, achávamos que era nano-tecnologia que tem conceito semelhante.
Em 1.867 um navio chega a ilha trazendo Ricardo que se tornará agente externo de Jacob. Ricardo se torna imortal graças aos poderes de Jacob.
Um núcleo de pessoas sempre habitou a ilha. Possivelmente atraídos por Jacob. Sempre.
Após enterrar uma bomba de hidrogênio…

EaD: Como estudar sozinho em casa

Árvore genealógica do Superman

Em Krypton Chronicles, uma série que contava a história dos ancestrais de Kal-El a DC publicou a árvore genealógica abaixo.

Divirta-se!