Pular para o conteúdo principal

Muitas páginas, pouca história!

Esta semana tivemos o lançamento de Invasão Secreta # 06 (de 08) e Trindade # 02 (de 13), duas histórias de apesar de feitas por equipes competentes não conseguem impedir um gravíssimo problema dos quadrinhos atuais: levam a exaustão o conceito de compasso de espera dos quadrinhos e não desenvolvem a trama, amarrando-a.

Em Trindade, a terceira série semanal da DC Comics seguida, Superman, Batman e Mulher Maravilha gastam três números para derrotar um alienígena descontrolado, o Kondenado.






Caído o vilão (não o de verdade da extensa trama, é claro) a coisa não se desenvolve. Com muitas páginas, Busiek gasta-as fazendo um lento background para a trama.

Já as tramas secundárias de Trindade parecem a série "The Brave and The Bold", capaz de ressuscitar o Predador (Gangbuster), uni-lo a Gavião Negro ou mesmo unir o Lanterna Verde John Stewart e o Nuclear.
Já em Invasão Secreta, Brian Michael Bendis não consegue acertar o passo da série que não convence o excesso de partes! Essencialmente muito pouco aconteceu na série e ainda assim nada realmente acontece.

Aqui os Skrulls enfrentam os heróis, alguns humanos defendem a anexão ao Império sem saber a verdadeira natureza dos alienígenas, as duas metades dos Vingadores parece ter feito as pazes e finalmente se unem à Nick Fury, Thunderbolts, Thor, Guerreiros Secretos e Jovens Vingadores, iniciando um combate em duas páginas duplas em sequência!

Haja paciência para tanta espera. Mas já dizia minha mãe, profunda pensadora: "Papel aceita tudo! Até merda!"

As duas séries não cumprem seu papel de entreter totalmente com as partes, mas somente com a soma do todo. Os editores parecem ter em vista que uma trama de 100 páginas deve ser narrada em 600 ou 1.000!

Haja paciência!

Postagens mais visitadas deste blog

Lost – A sexta temporada: Um resumo bem pessoal de Lost, até o episódio 9 da sexta temporada.

Existe uma ilha com propriedades magnéticas e místicas. Magnéticas porque há um contador da energia que se acumula na ilha. E místicas porque ela possui um mecanismo que pode ser utilizado para alterar sua posição no tempo e espaço.
Dois seres habitam esta ilha. Um deles, Jacob, está impedindo que o outro, ainda sem nome, saia.
Jacob pode sair da ilha e pode atrair pessoas para lá.
A função de Jacob é impedir que o outro saia da ilha. O segundo deseja matar Jacob para poder sair.
Este segundo pode se tornar uma fumaça escura que agrupada pode se tornar pessoas – geralmente entes queridos mortos – ou ser usada para destruição. Durante muitos anos, nós expectadores, achávamos que era nano-tecnologia que tem conceito semelhante.
Em 1.867 um navio chega a ilha trazendo Ricardo que se tornará agente externo de Jacob. Ricardo se torna imortal graças aos poderes de Jacob.
Um núcleo de pessoas sempre habitou a ilha. Possivelmente atraídos por Jacob. Sempre.
Após enterrar uma bomba de hidrogênio…

EaD: Como estudar sozinho em casa

Árvore genealógica do Superman

Em Krypton Chronicles, uma série que contava a história dos ancestrais de Kal-El a DC publicou a árvore genealógica abaixo.

Divirta-se!